Voltar

Myra – Juntos pela leitura

21 de fevereiro de 2017 Ouvir o texto

“Ler é uma coisa maravilhosa. Ler para o outro é muito bom, pois você está dando o que tem de melhor. Agora, ler com o outro é uma troca poderosa”. A editora Ana Luiza Couto resume assim o saldo positivo de sua experiência como tutora do Myra, um programa de voluntariado para o fomento à leitura, lançado pela Fundação SM, em 2016, a princípio como um piloto.

Baseado no projeto catalão Lecxit, desenvolvido pela Obra Social “la Caixa” em parceria com a secretaria de educação local e a Fundação Jaume Bofill, o Programa Myra foi redesenhado pela Fundação SM, com o apoio técnico da Comunidade Educativa CEDAC, de forma a corresponder às demandas da realidade brasileira.

Na prática, o programa promove encontros de leitura, em escolas públicas, em que um voluntário lê com uma criança, construindo pontes entre o texto, outros livros e vivências. Neste processo estão imbricados diversos agentes da comunidade escolar. “Ao reunir escolas, voluntários e famílias em prol da leitura, o Programa Myra abraça a educação integral, que tem como um de seus princípios a ideia de que somos todos responsáveis pelo desenvolvimento e aprendizagem de crianças e adolescentes. Para a Fundação SM, a leitura é um importante caminho para o conhecimento de si e do outro, além de ampliar as possibilidades de ação e intervenção na realidade”, explica a Diretora da Fundação SM, Pilar Lacerda.

Nessa ação conjunta, a escola exerce papel fundamental, sediando os encontros, identificando os estudantes de 4º a 6º anos, do ensino fundamental, e articulando o diálogo entre os demais participantes do programa.

Também merece destaque a atuação do voluntário – pertencente ao quadro de colaboradores da Edições SM –, que recebe orientação contínua da coordenação do programa. Além dos encontros de formação, o voluntário tem acesso a uma série de ferramentas, disponibilizadas a cada etapa de trabalho com o intuito de contribuir para a identificação dos níveis de compreensão leitora do estudante.“Nos encontros de formação, trabalhamos temas como concepção de leitura e escuta atenta na formação de leitores, além de conversar sobre a relação com os estudantes e a organização das sessões de leitura. Em 2017, o foco será a continuidade e ampliação do programa na escola parceira, além da adesão de uma nova escola e de novos voluntários”, conta a coordenadora técnica do Myra, via Comunidade Educativa CEDAC, Sandra Medrano.

Para a editora de arte, Rita Aguiar, que participou da fase piloto do Myra e permanecerá como voluntária nesta nova etapa, uma das palavras que exprime a essência do programa é esperança. “Esperança de dar um futuro melhor para a criança, de empoderar a criança para que ela tenha acesso a tudo o que puder através da leitura. Essa foi uma das coisas mais vivas e marcantes no processo dos encontros de leitura. As crianças foram se empoderando, lendo com mais propriedade e com mais confiança”, comenta Rita a respeito de sua experiência como voluntária do programa.

Para saber mais sobre o Myra – Juntos pela leitura, acesse programamyra.org

Programa Myra promove bate-papos online

Matéria 18/06/2020

Conversas online reuniram diferentes especialistas, bem como as diretoras das escolas públicas parceiras do Programa também foram convidadas para participar de discussões em torno do universo da leitura.

Saiba mais

6º SIEI terá mais dois encontros online

Matéria 17/06/2020

Encontro de junho discutirá a "Docência em tempos de pandemia" e o encontro de julho será sobre "A volta às aulas pós-pandemia".

Saiba mais

Coleção Barco a Vapor está disponível para download

Matéria 17/06/2020

As 15 obras literárias infantis e juvenis vencedoras do Prêmio Barco a Vapor estão disponíveis na íntegra e gratuitamente para download.

Saiba mais

Confira como foi o primeiro SIEI totalmente online

Matéria 17/06/2020

O evento contou com depoimentos gravados de estudantes, familiares, professores e gestores escolares, de diferentes lugares do Brasil e debateu sobre como ensinar e aprender neste período de pandemia: qual o papel da educação integral?

Saiba mais

O mundo sitiado?

Matéria 12/06/2020

"O mundo de ponta-cabeça?" é um conto que nasceu como uma explicação para crianças abaixo dos sete anos, que transmite uma mensagem de esperança a pessoas de todas as idades: o amor nos manterá de pé.

Saiba mais

Ver mais notícias