Voltar

Programa Myra integra iniciativa lançada pelo Governo do Estado do Espírito Santo

20 de setembro de 2019 Ouvir o texto

Lançado ontem (19 de setembro) no Palácio Anchieta, em Vitória (ES), o Programa Cultura Conecta é uma iniciativa do Governo do Estado do Espírito Santo, que pretende promover transformação social e ampliação de direitos por meio da cultura. Entre as ações previstas pelo Programa está a implementação do Ponto Myra, projeto desenvolvido pela Fundação SM, que permite a replicação do programa Myra em larga escala. De acordo com a Secretaria de Estado da Cultura (Secult), “o programa Myra será um dos eixos do Cultura Conecta”.

Criado pela Fundação SM em 2016, o Myra tem a missão de apoiar o aprimoramento das competências leitoras de estudantesde escolas públicas brasileiras. Para isso, promove encontros semanais, com uma hora de duração, em que um voluntário-tutor e uma criança realizam atividades em torno da leitura.

“A parceria com o Governo do Estado do Espírito Santo permitirá que um número maior de crianças se aproxime da leitura, estabelecendo uma relação positiva com a aprendizagem. Para a Fundação SM, a leitura é um direito de todose via de acesso aos bens culturais construídos pela humanidade, um canal potente para o conhecimento de si e do outro e para a geração de possibilidades de intervenção na realidade. Além disso, ao reunir uma rede de pessoas – voluntários, escolas, educadores e famílias – interessadas em apoiar o desenvolvimento integral de meninos e meninas, o Programa se alinha com o Cultura Conecta, que tem como meta ‘conectar pessoas, territórios e saberes’ em prol do fortalecimento da cultura”, explica a Diretora da Fundação SM, Pilar Lacerda.

Programa Cultura Conecta

Segundo a Secult, mais de 200 realizadores culturais serão impactados diretamente pelo Programa, que contará, entre outras ações, com um Laboratório de Inovação Cidadã, com a circulação de projetos pelo interior, com oficinas de capacitação e com um programa ao vivo na TVE, em parceria com o Canal Futura. “Com ações coletivas vamos, junto aos coletivos participantes, identificar os desafios e processos e potencializar as iniciativas de quem faz cultura a partir de soluções colaborativas e que explorem o potencial inovador de cada um”, afirma o secretário de Estado da Cultura, Fabricio Noronha, em comunicado da Secult.

Nomeadas embaixadoras do Cultura Conecta, a poeta Elisa Lucinda e a filósofa Viviane Mosé participarão da curadoria e da elaboração de ações promovidas pelo Programa.

Saiba mais aqui.

Crédito imagem: Hélio Filho /SECOM

Cidadania Global: uma visão plural e transformadora da sociedade e da escola

Matéria 16/11/2020

A educação é a pedra angular desta nova era; uma educação que deve ser pensada pelos próprios educadores, que eduque para ser e para conhecer. Isso significa ensinar a pesquisar, ou seja, desenvolver a “capacidade de pensar o que ninguém pensou antes”.

Saiba mais

Agenda: Educação para uma Cidadania Global Significativa

Matéria 16/11/2020

Confira os temas de todos os webinários e veja os principais destaques dos encontros que já ocorreram.

Saiba mais

Fundação SM lança programa de Educação para Cidadania Global

Matéria 22/10/2020

Fundação SM trabalha com as escolas para construir uma educação mais global, mais solidária, mais humana e mais inclusiva

Saiba mais

Fundação SM apoia programa de formação em Educação Integral na Bahia

Matéria 21/10/2020

Mais de 700 profissionais de educação do estado da Bahia começaram a participar de um programa de Formação em Fundamentos e Práticas da Educação Integral.

Saiba mais

Fundação SM apoia projeto em prol da alfabetização

Matéria 07/10/2020

“Um sonho feito de linhas” é uma obra inspirada nas histórias de mulheres reais e faz parte de movimento pela alfabetização de todas as crianças até os 7 anos de idade.

Saiba mais

Ver mais notícias